Rafael Bavaresco: o mais maranhense dos fotógrafos

From: rafaelbavaresco@hotmail.com
To: cassiano.viana@gmail.com
Subject: RE: E aí Cassi!!!
Date: Fri, 1 Jun 2012 21:05:00 +0300

E aê, rapá?
Te respondi e pensei que tu retornaria dizendo que está a fim de voltar para São Luis e que tem uma ideia mirabolante para a gente morar lá e ter grana (duas coisas quase incompatíveis) hahaha.
Boa piada né???

Conheci Rafael nos tempos de Centro de Defesa dos Direitos da Criança e do Adolescente Padre Marco Passerini, em 1997. Eu coordenava um projeto de comunicação.

Um dia, avisaram:

“Cassiano, tem um rapaz na recepção. Parece gringo. Disse que é fotógrafo “.

Fui lá. Conversamos. Ele contou que era do Rio Grande do Sul e que atravessou o país com o MST. Gostou da cidade. Decidiu ficar. Estava procurando emprego.

Trabalhamos juntos durante anos, em projetos financiados pelo Unicef.

Em 2001, eu e Rafael decidimos fazer algo nosso, aproveitando o contato que tínhamos com a cultura popular maranhense. Coisa que ele, estrangeiro, conhecia e vivia bem mais do que eu, que nasci na ilha.

Mas era sempre muito feliz estar com Rafael e lembro que saindo da casa da Mestre Felipe – na época com 76 anos – resolvemos entrevistar e fotografar artistas maranhenses já nessa faixa etária, certamente inspirados pelo trabalho do Museu da Imagem e do Som (MIS) e pelo vídeo-documentário Música do Brasil, de Hermano Vianna.

E assim passamos um ano convivendo com seu Antonio Vieira, Celia Maria, Dona Celeste, Dona Teté, Chiador, Zé Alberto, Humberto de Maracanã, Mestre Felipe e Pai Euclides.

Todos ícones da cultura popular maranhense.

Trechos dessas entrevistas foram publicadas no jornal O Imparcial, no Maranhão, acho que em 2002.

Quando resolvi mudar para o Rio de Janeiro, em 2003, Rafael me deu uma bússola, de presente:

“Pra você não se perder e ter como voltar pra casa, Magrão”.

Sempre que penso no lugar onde nasci e vivi, penso em Rafael, pessoa importantíssima para mim, e que nasceu no dia 23 de janeiro, o mesmo dia que nasceu minha filha.

 

eu2

 

Cassiano Viana (@vianacassiano) é editor do site About Light

/
Veja galeria com fotos do Memorial da Cultura Popular Maranhense, por Rafael Bavaresco aqui

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s